CARREIRA CATEGORIAS DICAS NOTÍCIAS OZI VLOG XP HISTÓRIAS

GUILHERME IAGOㅤㅤㅤㅤㅤ XP HISTÓRIAS #02

14 de abril de 2020

author:

GUILHERME IAGOㅤㅤㅤㅤㅤ XP HISTÓRIAS #02

Fala pessoal! Hoje temos mais uma experiência pessoal da série XP Histórias com a história de Guilherme Iago, um videomaker de Goiânia. Ele encontrou no vídeo uma saída para um trabalho do qual já havia se cansado.

Após começar a trabalhar com DVDs para estabelecimentos como você vai ver abaixo, ele abriu sua própria produtora e começou a gerar mais conteúdo do que imaginou no começo.

Assista abaixo no XP Histórias #02 esta conversa super legal com Maurício Fonteles e Guilherme Iago, da Iago Produções:

Porta de entrada do audiovisual

A história do Guilherme é bastante inusitada. Ela fala muito sobre como você pode entrar no universo do audiovisual aos poucos, adaptando sua própria vida a este meio. Como você viu acima, Guilherme frequentava bares e começou a fazer DVDs que tocam ao vivo nestes locais.

Com o crescimento do bar que ele frequentava, seu trabalho começou a ganhar visibilidade e ele passou não só a vender estes DVDs prontos para outros estabelecimentos, como trabalhar com músicos que também queriam ter suas músicas divulgadas.

Foi neste momento que ele começou a trabalhar melhor a edição de vídeo, assim como pensar melhor na equalização de áudio e outros fatores para melhorar o seu produto final.

Abrindo uma produtora

A segunda parte da história de Iago foi quando ele começou a se interessar ainda mais pela produção de vídeo. Assim, ele investiu em uma câmera e um drone e já abriu sua própria produtora.

Logo que ele começou a pesquisar o mercado de vídeo em Goiânia, notou que existiam já muitas produtoras e hesitou. “Tem produtora só de videoclipe, tem produtora só de comercial, tem produtora que grava pra prefeitura, falei ‘nossa, cara não vou ter espaço’, só que por incrível que pareça, tem cliente pra todo mundo”, explica Iago.

Dessa forma, ele começou a perceber a abertura do mercado e foi quando fez uma parceria com uma empresa de publicidade. Assim, ele começou a fazer comerciais, vídeos institucionais, entre outros.

Agência + Produtora

Uma das partes mais legais dessa conversa é quando Iago fala sobre trabalhar essa parceria com uma agência externa. Existe muitas vezes um pensamento de que a agência pode acabar tirando jobs da produtora, quando na verdade o que acontece é o inverso.

Quando a agência não consegue dar conta ou não pode contratar um profissional especializado, este tipo de parceria pode fazer bem para a produtora que vai receber mais trabalhos e de diferentes tipos de clientes. “Ela (a agência) está te arrumando uns clientes que você às vezes não chegaria até lá, clientes grandes muitas vezes, como no meu caso”, conclui Iago.

Não é interessante descobrir a saída para uma carreira que você considera entediante produzindo vídeos? A história do Guilherme Iago é curiosa em muitos sentidos, mas o maior deles deve ser ter saído de uma área completamente alheia à produção de vídeo (ele é formado em Ciência da computação e trabalhava cuidando de um banco de dados de uma empresa hospitalar).

Espero que tenha gostado e que essa história ajude mais pessoas a entrar nesse universo. Não se esqueça de acompanhar o canal da OZI no YouTube para receber mais dicas e conteúdos para aprimorar a sua carreira. Até a próxima!

Deixe o seu comentário